1b

Bolivia TRINIDAD catalunia Angola portorico dominica Chile México India Israel malasia noruega Australia Mozambique colombia Equador Camboya Bulgaria Romenia Costa Guatemala Polonia Lanka Suiza Vietnam Panama Finlandia Belgica Tailandia Bhutan San Domingo Peru

sexta-feira, 20 de dezembro de 2013

MISSÕES APOLO A FARSA DO SÉCULO, HOMEM NUNCA FOI A LUA !!!


Para nossa surpresa, como vimos com a chegada de Chang 3 do rover lunar a cor da lua foi totalmente diferente do que nos foi dito.
Todas as missões Apollo 60 e 70 nos mostrou um cinza claro da lua, como cinzas, o fato é que, aparentemente, a China oferece um solo avermelhado e cores marrons que não são nada como o mostrado acima ... Quem está mentindo para nós?, por que mentiu para nós?.
Provas irrefutáveis de que o home não foi à Lua. Em 1969 era possível a comunicação dos astronautas na Lua com a NASA na Terra e tepo real como foi mostrado pela televisão? Claro que não. Ainda hoje a comunicação em tempo real seria impossível... Em 1969 os astronautas conversavam como se não sentissem os efeitos da falta de gravidade, como se não houvesse os maléficos efeitos da radiação solar, etc...

     Algumas Evidências que o Homem Nunca foi a Lua:

Fotos de pegadas, que dificilmente se formariam na Lua, devido à ausência de umidade.

Foto com penumbras, sombras em múltiplas direções, pegadas inconsistentes,
ausência de marcas profundas do pé do Módulo Lunar e
solo aparentemente molhado num local onde não existe água.

Módulo Lunar da Missão Apollo 11. Você crê que isso voa?
Você crê que aí dentro há combustível suficiente para alimentar um propulsor capaz de colocar este módulo em órbita?

Foto batida contra o Sol sem queimar o negativo.
Chão sem indícios de utilização do propulsor na hora do pouso.

Sombras com tamanhos diferentes, mas devido a um pequeno relevo no solo.

Pelo jeito, a bandeira dos Estados Unidos foi fincada na Lua em mais de um lugar. Compare a foto acima com a foto abaixo e verifique a distância existente entre a bandeira e o Módulo Lunar.


Bandeira dos Estados Unidos muito próxima do Módulo Lunar, divergente com a foto anterior.

Mesma foto anterior ampliada, com o rosto de Buzz Aldrin exposto à radiação solar.

A foto acima é uma ampliação da foto anterior. Dentro do capacete dos astronautas, há uma proteção bem escura que deve ficar sempre abaixada para evitar a radiação solar. Mas note, na foto acima, como Aldrin suspendeu a proteção contra a radiação solar para aparecer melhor na foto. Ele não está olhando para frente. Ele está com o rosto virado para a câmera! O Sol emite uma radiação, na Terra, de aproximadamente 0,36 REM/ano. REM é abreviatura de Roentgen Equivalent for Man. Dentro de estações espaciais, astronautas costumam receber radiações de cerca de 6 REM por ano. Mas, na Lua, esta radiação pode chegar a até 7.000 REM por minuto! Tendo em vista que a população do nosso planeta está acostumada a receber entre 0,1 e 2 REM/ano e o ser humano conseguiria resistir a um máximo de 4,5 REM/mês, a radiação de 7.000 REM/minuto torna-se letal para qualquer ser humano.

Os Estados Unidos teriam tramado esta farsa porque a União Soviética estava à frente dos Estados Unidos na corrida espacial, tendo enviado, em 12 de Abril de 1961, Yuri Gagarin à órbita terrestre a bordo da nave Vostok I. A foto da Terra vista do espaço e a frase "A Terra é azul" deram grande impulsão à União Soviética. Os Estados Unidos, no auge da Guerra Fria, vendo que estavam ficando para trás, teriam resolvido dar um golpe para atrair toda a atenção do mundo para eles. Principalmente porque, um ano antes da suposta ida do homem à Lua, Stanley Kubrick lançou o filme 2001 – Uma Odisséia no Espaço, com efeitos especiais nunca vistos antes na história do cinema, que renderam um Oscar ao brilhante Kubrick! E esses efeitos especiais poderiam muito bem ser utilizados pelos Estados Unidos para forjar uma viagem do homem à Lua.


Existe uma suposta foto de Stanley Kubrick, na NASA, meio escondido, agachado atrás do astronauta Neil Armstrong, antes da suposta viagem do homem à Lua. Na mesma foto, há um telão com fundo escuro muito semelhante aos fundos usados em Chroma Key, que é uma técnica cinematográfica que permite substituir um fundo com uma cor padrão por outra imagem qualquer. Esta foto teria sido tirada dentro da própria NASA. Mas, para quê a NASA usaria um telão com um fundo especial como esse?

Homem parecido com o diretor do filme “2001, Uma Odisséia no Espaço” agachado atrás de um astronauta na NASA.
Existência de um telão com fundo escuro próximo ao astronauta que poderia ter sido usado em Chroma Key.
À direita, fotos do diretor Stanley Kubrick para comparação.

Astronautas utilizando as câmeras Hasselblad 500EL "na Lua" onde a extrema variação de temperatura
prejudicaria os negativos não permitindo que fotos tão nítidas chegassem à Terra.

Onde estão as filmagens originais do pouso na Lua?

Ainda em relação aos vídeos transmitidos, você já reparou como eles têm péssima qualidade de imagem? Segundo a NASA, a transferência dos vídeos em baixa qualidade foi proposital para que eles pudessem ser exibidos ao vivo aqui na Terra. Além da qualidade da transmissão das imagens ser baixa, durante o envio perdeu-se ainda mais qualidade. De acordo com a NASA, as imagens teriam chegaram à Terra sendo exibidas num monitor preto-e-branco que estava sendo filmado por uma outra câmera para, a partir desta última filmagem, onde se perdia mais qualidade pela terceira vez, transmitir os vídeos para as principais redes de televisão mundiais. Então, teriam sido estes os fortes motivos que fizeram com que as imagens perdessem tanta qualidade em cada um desses processos.

Porém, pairou uma dúvida no ar. E a câmera que estaria na Lua gravando todas as imagens em alta qualidade em fitas de vídeo? Ao voltar da Lua, os astronautas teriam trazido de volta gravações bem diferentes daquelas apresentadas a toda a população mundial. Porém, porque essas filmagens em alta resolução nunca foram mostradas até hoje?

A NASA afirmava estar preparando a exibição dessas imagens no aniversário dos 40 anos da ida do homem à Lua. Seriam imagens inéditas, com uma alta qualidade de vídeo! Porém, em agosto de 2006, a NASA vem a público informando que tinha perdido as fitas que continham as gravações originais da Missão Apollo 11.

Segundo a NASA, as fitas teriam sido enviadas ao Arquivo Nacional dos Estados Unidos antes de serem devolvidas à própria NASA, que teria as guardado no seu Centro Espacial Goddard, em Maryland. Mas, devido ao fato dos funcionários que trabalhavam nos arquivos da NASA terem mudado de emprego, se aposentado e até morrido, ninguém mais sabia onde essas fitas tinham ido parar.
Fonte de Algumas Evidências que o Homem nunca foi a Lua

            Você ainda acredita que o homem foi à Lua?


Até quando a farsa ira continuar, a verdade sempre vai aparecer, mais cedo ou mais tarde.
NASA esconde sobre UFOs, agora mais esta descoberta incrível, graças a China, vamos aguardar que vem mais pela frente.

                                      Veja os Vídeos Abaixo:


                                             Fonte:mundodesconocido


                                             Fonte:Andy Bell


                                           Fonte:SpreadtheWord08

15 comentários:

  1. faço eu apelo à todos em nome de tudo que possa ser de mais sagrado para que RACIOCINEM, PENSEM saiam da matrix de uma vez por todas se a nasa no pasado conseguiu criar um mentira desse porte e tenta sustentá-la de forma ridicula até hoje contando estorinha que perdeu os filmes originais me digam porque hoje eles não continuariam mentindo sobre quase tudo sobre a existência extraterrestre, planeta x e muito mais me digam porque agora eles contariam alguma verdade.Só isso que peço.

    ResponderExcluir
  2. Só faltou o comentário de que à época, na verdade EUA e Rússia, nos bastidores da política, eram parceiros e não concorrentes.

    ResponderExcluir
  3. Ha Ha....
    Muitas mentiras e todo tipo de farsa está se desmoronando com tecnologia e informação que hoje podemos obter.
    O 'homem na lua' tem muitas contradições para ser verdade, cada vez mais, vai aparecendo novas evidencia que tudo foi uma farsa para concorrida guerra fria onde os EUA se beneficiaram com a propaganda, infelizmente o governo americano mentem das piores formas para seu beneficio, Iraque é uma delas.
    A medida que o ser humano vai se informando fica mais difícil enganar o povo, veja o caso da Síria onde cada vez mais mostra que não foram o governo que usou armas químicas, mas sim uma armação para os EUA, Israel e Arabia Saudita se beneficiar na região, queria a todo custo impor suas mentiras sobre a verdade.
    Os EUA quando querem enganar o mundo pelos seus interesses não polpa criatividade e propaganda para isso, só que sempre deixam falhas.

    ResponderExcluir
  4. Povo da terra...rsrs...Eles foram sim até a lua, mas em hipótese alguma eles iriam divulgar as verdadeiras, fotos, videos e etc. Oque eles encontraram por la, mataria muitos do coração por aqui, mas acredito que a humanidade ja está pronta para "conhecer a verdade" sobre a sua propria história e origem. Ninguem nunca se perguntou pq vemos apenas um lado da lua? Ela tem um par de outras excentricidades.
    Segue link abaixo com algumas curiosidades a respeito da Lua (muito interessante)
    http://alefnossomundo.blogspot.com.br/2012/06/lua.html

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. essa foi besta einh colega !? desculpa mas nem acredito que li isso kkkkkkkkk

      Excluir
  5. Eu penso que hoje provavelmente esta começando a evoluir a tecnologia para um dia chegarem na lua. Mas, para provar de vez que o EUA foi ate a lua por que nao usam os telescopios de alta tecnologia para uma fazer varredura completa da lua e que estao em orbita da terra assim como fez na terra?. ou seja uma visao aeria de alta resoluçao tipo feita pela ISS da orbita da terra.

    ResponderExcluir
  6. Sabe o que eu achei mais engraçado?
    Na foto da NASA mostra marcas do calçado do astronauta parecendo que havia chovido no local, mas os 'pés' da maquina/plataforma lunar que é muito mais pesado que o peso do homem, essa não consegue afundar na camada da lua, muito estranho isso não?
    Sem contar na fita que sumiu, estranho isso, não?

    ResponderExcluir
  7. Nota-se nitidamente na bandeira que ele tem uma alma interna na parte de cima para ficar esticada,

    ResponderExcluir
  8. O homem foi a lua sim, porém, o que foi encontado lá em cima teve que ser guardado a 7 chaves do público, pois isso mudaria radicalmente a nossa história, principalmente a religião, quase 100% da populaçõa mundial não está preparada mentalmente. Seria um caos, tem muita coisa em jogo!

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Você já viu filmagens de uma suposta nave gigantesca que estaria no lado escuro da Lua por milhares de anos? Nesta mesma filmagem, mostra o que seria as ruinas de uma antiga cidade, realmente você tem razão, fatos de alta grandeza se escondem por trás disso tudo e como diz um sábio do projeto camelot: "Devemos ascender até as estrelas e lá reivindicar o nosso lugar de direito".

      Excluir
  9. Incrivel como esse pais tenta fazer a populção de idiota, a farsa da lua, a queda das torres gêmeas, enfim, imaginem oq vem por aí...

    ResponderExcluir
  10. http://zeca.astronomos.com.br/afraudedafraude/afraudedafraude.htm

    ResponderExcluir
  11. Da onde que o homem realmente foi a lua tudo farsa isso sim

    ResponderExcluir
  12. Vcs acredital mesmo que aquela coisa ridicula que chamam de nave ou fogete sei la, tenha voado ate la????

    ResponderExcluir
  13. A mais toscas das toscas e , mais uma vez, das toscas desculpas da NASA foi em relação às filmagens em alta definição feitas nas missões. Segundo eles para economizar , uma ninharia em relação ao projeto, foram apagadas as históricas e ultra valiosas filmagens.
    Alguém em sã consciência cometeria uma atrocidade desta sob qualquer argumento? Quanto estas imagens valeriam hoje em dia ou mesmo naquela época?
    Digam se qualquer milionário não pagaria qualquer valor por tal material ? E a NASA apagou as fitas para economizar alguns milhares de dólares?

    ResponderExcluir