1b

1

sábado, 19 de janeiro de 2019

Algo Grave se Passa no Campo Magnético da Terra: Um Processo "IRREVERSÍVEL"

Os dados são alarmantes, o campo magnético da Terra parece ser drasticamente reduzido. 10% nos últimos 160 anos, mas agora eles também localizaram o ponto exato onde há uma estranha perturbação no núcleo. Estamos à beira de uma INVERSÃO DE POLOS?
Veja a Matéria logo abaixo:

O campo magnético da Terra está se comportando de maneira imprevista – e intrigando cientistas.
O campo magnético ao redor da Terra é gerado pela movimentação dos metais líquidos no interior do planeta

Uma movimentação com características inesperadas no magnetismo da Terra está intrigando cientistas do mundo todo e fazendo com que os modelos existentes de descrição do campo magnético precisem ser atualizados.

Por causa de seu núcleo feito de metal líquido, a Terra funciona como um enorme ímã com pólos positivo e negativo. O campo magnético é a uma "camada" de forças ao redor do planeta entre esses dois pólos.

Conhecida como magnetosfera, essa grande camada é extremamente importante para a vida terrestre.

"É o campo magnético que nos protege das partículas que vêm de fora, especialmente do vento solar (que pode ser muito nocivo)", explica o geólogo Ricardo Ferreira Trindade, pesquisador do Instituto de Astronomia e Geofísica da Universidade de São Paulo (USP).

A maior parte do campo magnético é gerada pela movimentação dos metais líquidos que compõem o centro do planeta. Conforme o fluxo varia, o campo se modifica.
O campo magnético nos protege de partículas do vento solar

A questão, segundo Trindade, é que nos últimos dez anos ele tem "variado numa velocidade muito maior do que variava antigamente".

O pólo norte muda magnético constantemente de posição, mas sempre dentro de um limite. Embora a direção dessas mudanças seja imprevisível, a velocidade costumava ser constante.

No entanto, nos últimos anos o norte magnético está se movendo do Canadá para a Sibéria em uma velocidade muito maior do que a projetada pelos cientistas.

Modelo de campo
A mudança está forçando os especialistas em geomagnetismo a atualizarem o Modelo Magnético Mundial, espécie de mapa que descreve o campo magnético no espaço e no tempo.

"Ele é criado a partir de um conjunto de observações feitas no mundo inteiro ao longo de 5 anos, a partir dos quais se monta um modelo global que muda no tempo e no espaço, mostrando a variabilidade do campo", explica Trindade. "É uma espécie de mapa 4D."

O modelo é importante porque é a base para centenas de tecnologias de navegação modernas - dos controles de rotas de navios ao Google Maps.

"Ele é fundamental para geolocalização e até para o posicionamento de satélites", afirma o geólogo.
                                                    Direito de imagem GETTY IMAGES
                                                                          Image caption

A bússola aponta para o norte magnético, que se movimenta bastante e é próximo – mas não coincidente – com o pólo norte geográfico
A versão mais recente do modelo foi feita em 2015 e deveria durar até 2020, mas a velocidade com o que a magnetosfera tem mudado está forçando os cientistas a atualizarem o modelo antes do previsto.

Além da mudança do pólo, um pulso eletromagnético detectado sob a América do Sul em 2016 gerou uma mudança logo após a atualização do modelo em 2015.

As muitas mudanças imprevistas têm aumentando o número de erros no modelo atual o tempo todo.

Segundo a Nature, pesquisadores do Noaa (centro de administração oceânica e atmosférica), nos EUA, e do Centro de Pesquisa Geológica Britânica perceberam que o modelo estava tão defasado que estava quase excedendo o limite aceitável - e prestes a gerar possíveis erros de navegação.

A nova atualização deverá sair dia 30 de janeiro de 2019, segundo a Nature, uma das revistas científicas mais prestigiadas do mundo.

Segurança espacial
O modelo é essencial também para a segurança espacial.

Como distribuição do campo não é homogênea, onde ele é mais fraco, a proteção que oferece é menor - isso faz que com que essas regiões, principalmente a altíssimas altitudes, sejam um pouco mais vulneráveis a ventos solares.
                                                  Direito de imagem GETTY IMAGES
                                                                     Image caption

O modelo de campo magnético usado pelos cientistas é base dos sistemas de navegação e importante para posicionamento de satélites
"Temos regiões onde ele é maior e outras onde o campo magnético muito baixo. Aqui (na América do Sul) temos uma anomalia grande que faz o campo magnético ser de baixa intensidade", explica Ernesto.

"Equipamentos atmosféricos, satélites e telescópios, principalmente, têm maior probabilidade de sofrerem danos se estiverem sobre essas regiões", explica.

As causas
Os cientistas estão trabalhando para entender por que o campo magnético está se modificando com tanta velocidade.

"O campo é todo variável e muito imprevisível", afirma a geóloga Marcia Ernesto, também pesquisadora do Instituto de Astronomia e Geofísica da Universidade de São Paulo (USP).

A movimentação do pólo norte pode estar ligada um jato de ferro líquido se mexendo sob a superfície da crosta terrestre na região sob o Canadá, segundo um estudo de pesquisadores da Universidade de Leeds publicado na Nature Geoscience em 2017.

Segundo Philip W. Livermore, um dos autores do estudo, esse jato poderia estar enfraquecendo o campo magnético no Canadá, enquanto o da Sibéria se mantém forte, o que estaria "puxando" o norte magnético em direção à Rússia.

O campo é tão variável que o pólo norte e o pólo sul magnéticos já se inverteram muitas vezes desde a formação do planeta.

A sua atual configuração é a mesma há 700 mil anos, mas pode começar a se inverter a qualquer momento. Segundo Ernesto, essa inversão demoraria cerca de mil anos.

"Pode ser que (a aceleração nas mudanças no campo) signifique que ele está caminhando para uma inversão, mas não é certeza. Pode ser que seja apenas uma aceleração momentânea", diz Márcia Ernesto.(fonte)
Mais um post by: UFOS ONLINE

                                                  Veja o Vídeo Abaixo:

Saiba o que são Reptilianos as teorias sobre eles e quais os "Famosos Pertencem a esta Raça"

Você já ouviu falar da Elite Reptiliana ou Conspiração Reptiliana? Não, nós não estamos falando de lagartos dirigindo carros de luxo – embora isso não esteja longe do que algumas pessoas acreditam que esteja acontecendo. O conceito foi trazido para a popularidade pelo ex-escritor de esportes da BBC e auto-proclamado “filho de Deus”, David Icke em seu livro de 1999, “O Maior Segredo: O livro que vai mudar o mundo”. No livro, Icke postula que a sociedade é controlada por répteis humanoides. Por uma questão de simplicidade, vamos chamá-los de reptilianos. Embora possa soar como uma teoria da conspiração descontroladamente estranha, aproximadamente 12 milhões de americanos acreditam que ela seja realmente verdadeira e há uma conspiração contra os humanos organizada pelos reptilianos.
Claro, é importante ressaltar que não é apenas uma informação anedótica (no máximo) para fazer dar base à qualquer uma dessas reivindicações. Assim, enquanto nada disso sobre a conspiração reptiliana, pode ser verdade, ainda é uma fascinante e elaborada teoria sobre como algumas pessoas veem o funcionamento interno do mundo.

10. Origens

Há duas escolas de pensamento sobre a origem dos reptilianos. Alguns acreditam que eles evoluíram aqui na Terra, deixando a Terra depois de terem dominado a viagem intergaláctica, e depois voltaram milhões de anos mais tarde. Outros acreditam que seu planeta está nas constelações Draco. Supostamente, eles vieram para a Terra há milhares de anos e compartilharam a Terra com as pessoas. Em seguida, eles decidiram ou foram forçados a se “disfarçarem” e se esconderam da nossa realidade. Eles também começaram a se reproduzirem com os seres humanos, alterando nosso DNA, semelhante à maneira que as pessoas alteram um código de computador.

Esta alteração do nosso DNA teve um efeito duplo. Eles alteraram o nosso DNA para que não utilizássemos o nosso cérebro a sua plena capacidade, colocando um limite para nossa consciência, e tornando-nos mais fáceis de controlar. Como prova, Icke aponta para o fato de que temos genes répteis dentro do nosso cérebro. Na verdade, o cérebro reptiliano é a mais antiga das três partes que controlam o cérebro. A segunda é que as pessoas com DNA réptil podem ser possuídas por reptilianos que vivem fora do nosso reino da consciência na quarta dimensão inferior. Estes híbridos humano-répteis, considerados semideuses, foram capazes de conquistar o poder nas antigas civilizações da Suméria, Babilônia e Mesopotâmia. Como a humanidade começou a colonizar o resto do planeta, os répteis espalhados por toda o Terra se tornaram as famílias reais de todo o mundo.

Por ter poder em cada país, os reptilianos criaram uma prisão global que as pessoas nem sequer percebem em que elas estão. A prisão foi criada desenhando fronteiras de países, o que leva a guerras intermináveis e conflitos. Outra maneira de que eles controlam os seres humanos nos distraindo com a mídia, entretenimento e até mesmo política. Eles também tornaram a população estúpida e preguiçosa por intoxicação alimentar, no ar e na água.
Então, só para resumir, porque são várias informações muito incomuns para receber: essencialmente, o povo reptiliano alterada nossos cérebros para limitar a sua capacidade. Eles instalaram a maioria, se não todos, os líderes mundiais ao longo da história. Esses líderes, por sua vez, contribuíram para todos os grandes eventos históricos. Finalmente, há milhares de anos eles têm envenenado humanos. E tudo isso foi feito para garantir que eles controlem a humanidade. Então, logo de cara, a resposta é sim, temos um ônibus saindo rumo a loucura agora mesmo. Aproveite o passeio!

9. A Hierarquia Reptiliana
A teoria da conspiração reptiliana alega uma possível hierarquia entre eles.

De acordo com Icke, há uma hierarquia quando se trata dos reptilianos. Notavelmente, existem duas classes de Reptilianos – sangue puro e mestiços. Sangues puros estão conscientes de que são reptilianos e podem mudar de forma entre o seu exterior humano e sua verdadeira pele reptiliana. Além disso, os répteis completos não estão vestindo um disfarce físico real; em vez disso seu escudo humano é criado por meio de vibrações que alteram a mente humana, para que o seu cérebro simplesmente pense que vê um ser humano. É semelhante à forma como os alienígenas se disfarçam no clássico cult de John Carpenter, “Eles Vivem”. Isso explica por que os reptilianos possuem 1,50-3,65 metros de altura, mas usam um disfarce de tamanho humano. Eles realmente não diminuem de tamanho; nossos cérebros apenas os enxergam no tamanho humano normal, porque alterar o tamanho físico é considerado impossível. Por outro lado, híbridos ou mestiços, não estão cientes de que eles são Reptilianos e acreditam que eles são seres humanos, mas são controlados a partir da quarta dimensão inferior para fazer avançar a agenda, conhecida como a Nova Ordem Mundial.
Veja também:   Rússia vai investigar se o homem realmente já pisou na Lua
Entre estes dois tipos diferentes, existem diferentes raças. No topo da hierarquia estão os Dracos, que são répteis albinos alados. Abaixo deles está uma raça chamada de os Reptilianos, que não têm asas, e tem a pele marrom e verde. Os Reptilianos são soldados e cientistas e são responsáveis por programas governamentais e bases secretas, tais como o Projeto Montauk, que era um suposto grupo de testes feitos pelo exército dos Estados Unidos, onde eles tentaram tecnologias desenvolvidas às margens, como viajar no tempo.

8. Como Identificar Um
Algumas características gerais dos reptilianos disfarçados e pessoas com DNA réptil é que elas geralmente são caucasianas e tem olhos penetrantes que são verdes, castanhos, e às vezes azuis, mas eles também podem mudar de cor. Eles também têm pressão arterial baixa e cicatrizes inexplicáveis.

Já que eles se escondem dos humanos, pode ser impossível vê-los, mas uma coisa que você deve observar é como eles agem. Muitas vezes reptilianos e híbridos não têm empatia, não expressam o amor facilmente, são incrivelmente inteligentes, e tem um amor para o espaço e ciência.

Mas, se você está desesperado para experimentar e ver um: supostamente, se você assistir televisão em câmera lenta, você pode obter vislumbres da verdadeira identidade dos reptilianos. Às vezes, a imagem pode estar distorcida e a pele parecer escamosa ou verde. Os dentes tornam-se distorcidos e seus olhos parecem os de répteis. Há uma abundância de vídeos no YouTube de pessoas que afirmaram ter imagens de reptilianos mudando de forma.

7. Reptilianos Suspeitos
Há uma série de pessoas famosas que são suspeitos de serem reptiliano. Isto inclui tais famílias notáveis como os Rockefeller nos Estados Unidos, a família Rothschild da Inglaterra, e a Casa britânica de Windsor. Também acredita-se que muitos dos presidentes dos Estados Unidos são Reptilianos, incluindo Bill Clinton (e Hillary Clinton, que é aparentemente maior do que Bill na Hierarquia Reptiliana), Barack Obama, e ambos os presidentes Bush. Na verdade, os Bush são parte integrante da conspiração por causa de como muitas pessoas famosas estão relacionadas a eles.
De acordo com site Ancestry.com, George W. Bush e Obama são primos de 11º grau e Dick Cheney é o seu nono primo direto. Outros parentes de sangue diretamente relacionados com os Bush incluem Abraham Lincoln, Marilyn Monroe, Pocahontas, Hugh Hefner, John Kerry, Vlad, o Empalador, e a princesa Diana. Isso significa que, eventualmente, todas essas pessoas são realmente Reptilianas também.

Não só os reptilianos infiltraram o sistema bancário, o governo, e as realezas do mundo, mas eles também são alguns artistas bem conhecidos e amados como Bob Hope, Brad Pitt e Angelina Jolie. Não é preciso dizer que, com tantas possíveis pessoas Reptilianas entre nós, torna-se difícil confiar em alguém. Você pode até mesmo ser um reptiliano e não sabe mesmo.

6. Sangue
O sangue é muito importante para os Reptilianos. Por um lado, eles aparentemente os consomem. Eles também comem partes do cérebro humano e, aparentemente, preferem crianças, porque elas não são tão cheias de veneno como adultos. Além de apenas comer o nosso sangue, as linhagens são também uma característica importante na conspiração reptiliana. Você pode supostamente dizer se alguém é Reptiliano traçando suas linhagens. Acredita-se que cerca de 4800 aC, os cruzamentos emergiram das montanhas da Turquia, Irã e Curdistão e começaram as primeiras civilizações da Suméria, Egito, Babilônia, e Vale Indu.

Isso explica como os seres humanos se tornaram civilizados e realizaram algumas coisas surpreendentes: as raças cruzadas iniciaram isso. Obrigado, senhores lagarto! A partir dessas civilizações, os humanos começaram a migrar e os reptilianos foram com eles. Então Icke afirma que todas as linhagens Reptilianas dos supostos povos listados acima podem ser rastreadas até a esta área.

Icke também diz que existem marcadores físicos no sangue de algumas pessoas. Ele ressalta que a partir da área do mundo onde os híbridos originaram-se, há mais pessoas com um tipo de sangue incrivelmente raro chamada Rh e Rh negativo. Outros que apenas sendo raro, quando um bebê nasce com sangue Rh, sua pele fica azul, e é daí que, supostamente, de onde o termo “sangue azul” vem.

5. A Bíblia

Aqui a conspiração reptiliana fica interessante. Como prova de que os reptilianos existem, David Icke aponta para um número de passagens na Bíblia. Uma das histórias mais famosas é a queda do homem. Em Gênesis, Adão e Eva são expulsos do Jardim do Éden por causa que Eva foi tentada por uma serpente. Icke afirma que isto representa uma mudança nas relações humanas e répteis. De acordo com Icke, reptilianos costumavam andar a Terra e os seres humanos tinham conhecimento de sua existência. Mas, como dissemos, em algum momento eles foram para a clandestinidade e se esconderam dos seres humanos e iniciou o processo de cruzamento. O momento em que eles se disfarçaram é chamado de “cisma”, e é o que a história de Adão e Eva representa.

Além da história de Adão e Eva, outra passagem bíblica que supostamente faz referência aos reptilianos é Gênesis 6: 1-4, onde se lê:

Quando os seres humanos começaram a multiplicar-se sobre a terra e filhas nasceram deles, os filhos de Deus viram que as filhas dos humanos eram bonitas, e eles se casaram com qualquer uma delas que eles escolheram. Então disse o Senhor: O meu Espírito não vai lidar com seres humanos para sempre, pois são mortais; seus dias serão cento e vinte anos. Os Nephilim estavam na terra naqueles dias e também depois, quando os filhos de Deus entraram nas filhas dos humanos e tiveram filhos com elas. Eles foram os heróis de antigamente, homens de renome.

Icke diz que esta é mais uma vez uma prova da miscigenação. Nephilim é um termo ambíguo, mas acredita-se geralmente para significar “Aqueles que desceram” ou “Os Caídos”, levando para as pessoas que acreditam que o Nephilim são anjos caídos, ou seres maiores. Icke acredita que estes eram, na verdade, reptilianos, que cruzaram com as filhas de seres humanos e, em seguida, seus descendentes tornaram-se os híbridos humanos-reptilianos.

Finalmente, no Livro das Revelações, Satanás é descrito como uma serpente e um dragão, e ele é lançado para a Terra com os seus anjos. Icke acredita que este é um Draco e seus Reptoids. Claro, essa teoria só funciona se você acredita na Bíblia. Mas o que é interessante é que a Bíblia não é a única fonte antiga onde há histórias de répteis que interagem com os humanos.

4. Imagens de Serpentes Ao Redor do Mundo
Outra evidência que Icke aponta para o fato de que as civilizações em todo o mundo têm deuses répteis ou seres répteis que eram adorados. Um exemplo notável é uma estatueta que foi encontrado na área que foi Mesopotâmia e é agora atual Iraque, e é a partir do período de tempo pré civilização e que começou o chamado período Ubaid (6500-3800 aC). É uma estátua de uma criatura humanóide cobra segurando um bebê.

Além desta relíquia pré-civilização, há histórias de deuses e semideuses répteis encontrados ao longo da história antiga. Só para citar alguns, A Mesoamérica tinha um deus serpente alado chamad Quetzalcoatl. Os Hindus tinham um deus chamado Naga que era metade humano e metade cobra. Apep era o deus egípcio do caos e é descrito como uma cobra. Sem contar como muitas culturas diferentes ao redor do mundo têm histórias de grandes répteis como dragões.
Icke diz que essas histórias de deuses répteis e dragões se originaram a partir de quando os reptilianos operavam em aberto antes do cisma. Ele também aponta que em muitas culturas, há histórias semelhantes a Adão e Eva, onde criaturas répteis são os porteiros para lugares especiais, como o Jardim do Éden ou dão conhecimento espiritual para a humanidade. Icke reconhece que algumas delas podem ser metafóricas, mas ele acredita que essas histórias são realmente provas do cisma.

3. Conexão com os Greys?
Se a Elite Reptiliana, teoria de conspiração da Nova Ordem Mundial não foram selvagens o suficiente, os reptilianos também podem, eventualmente, ser ligados à raça alienígena conhecida como os Greys, por que não? De acordo com um escritor misterioso de conspiração chamado Jason Bishop III, os Greys são efetivamente controlados pelos reptilianos. Em termos de hierarquia de comando ele vai de Dracos alado, Répteis não-alados, os Greys, e que nós, os seres humanos humildes, estamos na parte inferior.

Há mesmo alguma especulação, com base em testemunha ocular que diz que existem cruzamentos reais de Greys e Reptilianos. Eles são parecidos com os Greys, exceto que eles têm pele parecida com a de répteis. Os teóricos acreditam que os reptilianos têm escravizado os Greys ou eles formaram uma aliança intergaláctica trabalhando em conjunto para manter os seres humanos na parte inferior.

2. Os Reptilianos e Os Iluminattis

Uma das sociedades “secretas” mais conhecidas são Os Illuminati e de acordo com alguns teóricos, eles são controlados pelos Dracos. Esta ideia foi apresentada por um homem chamado Stewart Swerdlow, que afirma que ele era um sobrevivente do Projeto Montauk. Em seu livro, Blue Blood, True Blood: Conflito & Criação, ele afirma que existem 13 “Famílias reais” dos Illuminati. O líder dos Illuminati é chamado de Pindar, que responde imediatamente ao Pinnacle do Draco, e é um réptil de raça pura.

De acordo com Swerdlow, o Pindar é o chefe da família Rothschild, que tem sido o Pindar durante séculos. As outras 12 famílias, todas elas extremamente poderosas, influentes e ricas, têm diferentes áreas de especialização, e eles controlam as finanças globais, tecnologia militar e de desenvolvimento, controle da mente, religião, e a mídia. Todas as 13 famílias dominantes são puro-sangue reptilianos, mas a classe de indivíduos que apoiam as 13 famílias, o chamado Comitê dos 300, não são. Na verdade, alguns deles não têm sequer qualquer DNA réptil, embora a maioria tenha. O Comitê das 300 suporta as 13 famílias, controlando organizações como a NSA, a CIA, Interpol e a máfia, só para citar algumas.

1. Seu Objetivo (Conspiração Reptiliana)
A grande questão em torno da teoria da conspiração reptiliana é: por que eles fazem isso? Mais uma vez, há muito debate sobre isso. Uma crença é que eles precisam do nosso ouro para ajudar a estabilizar a atmosfera em seu próprio planeta. Outra teoria é que eles só têm uma necessidade de poder e controle, e eles gostam de viver a vida como governantes. Uma terceira explicação, incrivelmente metafísica envolve os reptilianos que vivem na quarta dimensão inferior. Essencialmente, uma das principais coisas que os reptilianos tentam fazer é causar sofrimento humano e garantir que haja constante conflito. A razão disso é porque os reptilianos realmente consomem energia negativa como o ciúme, medo e raiva como uma fonte de alimento.

Claro, sem muita prova de que esses gigantes interdimensionais, répteis humanóides que mudam de forma, que dominam viagem intergaláctica sequer existem, é difícil saber qual o seu plano mestre verdadeiro.

E quanto a você, o que acha da teoria da conspiração reptiliana? Comente abaixo.
Fonte
Mais um post by: UFOS ONLINE

                                                  Veja o Vídeo Abaixo:


Misteriosos "BLIPS" são Vistos pelos Radares Meteorológicos da Flórida. Os ufólogos dizem: "São as frotas de OVNIs"

Os misteriosos "blips" vistos recentemente no sul da Flórida e em outras partes do país confundiram aqueles que tentaram entender o que realmente era, enquanto os ufólogos acreditam que os alienígenas estão por aí.

Nós já tínhamos falado sobre esses misteriosos "blips" nos artigos anteriores. mas em dezembro de 2018 os radares meteorológicos estavam novamente gravando em seus monitores, sinais estranhos perto de Florida Keys e Miami. As mesmas imagens foram vistas em um radar em partes de Illinois e Kentucky.

Até mesmo os especialistas do Serviço Nacional de Meteorologia ficaram perplexos porque não havia chuva na área. Originalmente, foi confirmado que isso poderia ser justificado por um material de perturbação de radar usado frequentemente pelos militares, mas o próprio exército e a força aérea negaram. Portanto, não houve explicações dadas para imagens no sul da Flórida, ou aquelas vistas no Maine ao mesmo tempo. Foi excluído que no Maine houvesse uma operação militar da Guarda Nacional estacionada na área, mas que não utilizava aeronaves capazes de liberar o material volátil.
Naturalmente, as operações militares ocorrem com freqüência em todos os condados de Miami-Dade e Monroe, portanto esta é a resposta mais provável. Alguns acreditam que os militares não têm nada a ver com as imagens gravadas pelo radar do metet. "Acreditamos que há muito mais na história do que se pensa sobre as forças armadas e suas operações", escreveu um pesquisador de OVNIs no Facebook. Neste período do início de 2019, estamos testemunhando uma invasão real de OVNIs. Há muitas aparições de objetos voadores não identificados, esferas de luz. Aeronaves triangulares e triangulares cruzam os céus todos os dias e muitos são documentados por pessoas.
Mais um post by: UFOS ONLINE

                                                         Veja o Vídeo Abaixo:

As águas dos oceanos estão sendo "PUXADAS" para o interior da Terra

Estudo revela que, por meio das subducções localizadas nas falhas geológicas, as águas dos oceanos são levadas por quilômetros até o interior do planeta.

                             TERRA TEM ABSORVIDO GRANDES QUANTIDADES DE ÁGUA DOS OCEANOS 
                                                                   (FOTO: REPRODUÇÃO NEWSWEEK)

Um estudo publicado na revista Nature aponta que as águas dos oceanos estão sendo sugadas para o interior da Terra em uma proporção três vezes maior do que o normal. Elas passam pelas zonas de subducção, que são enormes fissuras localizadas nos limites das placas tectônicas. Quando ambas colidem, elas arrastam essa água por quilômetros adentro, concluíram os cientistas.

O pesquisador Douglas Wiens e colegas da Universidade de Washington em St. Louis estudaram essa subducção de água nas Fossas das Marianas, no Oceano Pacífico. Trata-se do ponto natural mais profundo da Terra, estendendo-se quase 11 quilômetros abaixo do nível do mar. O sistema de subducção fica entre uma falha entre as placas do Pacífico e de Mariana.

Wiens explica que quando a água desce na crosta terrestre ao longo dessas falhas geológicas, ela fica presa. Em certas temperaturas e pressões, reações químicas significam que a água líquida se transforma em “rochas úmidas”, um mineral hidratado que faz parte da placa tectônica. Tais rochas molhadas, então, são empurradas cada vez mais a fundo no manto terrestre.

Para realizar o estudo, os cientistas coletaram dados usando 19 sismógrafos espalhados pela trincheira, e ouviram todo e qualquer som emitido, desde ruídos do ambiente até os terremotos subaquáticos. Com isso, eles conseguiram construir uma imagem do tipo de rochas que fica a 32 quilômetros abaixo do fundo do mar. A velocidade com que as ondas sísmicas viajam indica a quantidade de água que as rochas poderiam abrigar.

Os resultados mostraram que a quantidade de água contidas nas rochas era muito maior do que se imaginava, ultrapassando até quatro vezes as estimativas anteriores. Se aplicadas essas descobertas em zonas de subducção ao redor do mundo, chega-se à conclusão de que cerca de três vezes mais água está sendo puxada para o interior da Terra dessa maneira.

Entender esse ciclo global da água é extremamente importante, ressaltam os cientistas. A água cobre a maior parte do planeta e é necessária para a sobrevivência de toda vida na Terra. Sabe-se que existem enormes quantidades de água no interior do planeta: uma pesquisa publicada no ano passado indica que há tanta água no manto da Terra quanto em todos oceanos juntos. Essa água, por sua vez, é eventualmente expelida como vapor durante as erupções vulcânicas.

Os cientistas sabem que essa subducção da Terra é o único mecanismo através do qual a água é levada para o interior do planeta, mas ainda são necessários novos estudos para entender melhor como ele funciona.
Fonte
Mais um post by: UFOS ONLINE

                                                 Veja o Vídeo Abaixo:

sexta-feira, 18 de janeiro de 2019

EXCLUSIVO:Física diz que o Planeta X existe, desafiando a Nasa a provar o contrário

EXCLUSIVO: Uma cientista que acredita na teoria do juízo final de Nibiru desafiou a NASA para provar que ela não existe e não representa uma ameaça para a Terra. A teoria de Nibiru, ou Planeta X, é que um mini sistema solar composto de sol, planetas e luas está à espreita na borda do nosso sistema solar com uma enorme órbita do sol.

Os fiéis de Nibiru estão convencidos de que o "sistema errante" está vindo do exterior do sistema solar para o interior, onde causará estragos na Terra à medida que passa a cerca de seis milhões de quilômetros de distância, mas provoca a mudança dos polos e grandes terremotos e erupções vulcânicas.

Dra. Claudia Albers, uma física, anteriormente da Universidade de Witwatersrand, em Joanesburgo, África do Sul, tornou-se uma das mais proeminentes crentes Nibiru, que afirma que a Terra está realmente em perigo.

Ela escreveu vários livros sobre o assunto, incluindo o Planeta X O Despertar Agora.

Apesar da NASA ter feito uma declaração oficial de que não há um mini sistema solar nocivo em órbita do nosso sol, ela desafiou a agência espacial norte-americana a provar isso.

Ela escreveu e apareceu em vídeos para o site da teoria da conspiração Planetxnews. com, que empurra o mito.

Em um vídeo no canal do YouTube "Planet X News", ela falou aos espectadores através de um artigo que ela escreveu intitulado "Desafiando a NASA para provar que o planeta X não existe".

Ela questionou declarações anteriores feitas pelo cientista da NASA Dr. David Morrison, que apagou o mito.

No vídeo, ela disse: "Eu desafio a NASA para a prova de que o Planeta X não existe".

No artigo, o Dr. Albers afirma ter visto estrelas moribundas que fazem parte do sistema Planeta X, que "emitem luz infravermelha" visível em imagens aproximadas do Sol tomadas por câmeras telescópicas especializadas da NASA em sondas espaciais.

Ela afirma que eles são "muito mais densos" do que os planetas, caso contrário eles seriam vaporizados pelo sol.

Os cientistas da NASA, desde os anos oitenta, vêm dizendo que há teoricamente outro planeta no limite do sistema solar, mas ainda não foi conclusivamente provado.

No entanto, se estiver lá, não representa uma ameaça para a Terra e não chegará perto de nós, dizem eles.

No entanto a Dra. Albers não está convencido disso.

Ela apresentou uma teoria desconcertante em seu artigo.

Ela disse: "Parece que o objeto está aqui e não está sozinho porque há evidências de que há muitos desses objetos no sistema solar interior e eles vêm vindo em direção ao Sol por muitos anos".

Ela prosseguiu dizendo que os corpos interestelares fazem conexões magnéticas com o Sol e criam buracos coronais.

Pior ainda, ela alegou que isso enfraqueceria o Sol e criaria mais tempestades solares que afetariam a Terra.

No vídeo, ela disse que a Terra estava em risco de vulcões e aumento da atividade sísmica com efeito Nibiru.

Ela terminou seu artigo trazendo religião para a mistura.

Ela acrescentou: "Os núcleos estelares do sistema Planet X afetarão negativamente a vida na Terra e, portanto, recomendo conhecer nosso criador, Jesus, como a única maneira de encontrar a paz e a segurança que todos nós precisamos desesperadamente."

Nenhuma dessas teorias é apoiada por cientistas convencionais.

A Dra. Albers pediu demissão da universidade em junho passado.

Os chefes da universidade, desde então, se mudaram para se distanciar de suas teorias.

O professor João AP Rodrigues, chefe da Escola de Física, disse em um comunicado: "A Universidade recentemente tomou conhecimento de várias afirmações públicas que pretendem sugerir que pode haver uma estrela anã marrom no Sistema Solar interior.

"Estes comentários parecem ser assunto de muito debate nas plataformas de mídia social e são atribuídos a Dra. Albers, uma professora da Escola de Física.

"A essência da alegação é que esta anã marrom está tirando a energia do sol.

"A Universidade apóia a liberdade das pessoas de manter e discutir visões contrárias.

"No entanto, no que diz respeito às ciências, os princípios do método científico devem orientar o processo.

"O teste final de qualquer hipótese deve ser sua exposição à experimentação.

"Somente aqueles que passaram pelo teste de revisão por pares podem ser considerados verdades.

"Debate fora deste quadro constitui má ciência e a Universidade se distancia de tal prática."

O mito Nibiru surgiu em 1976, quando o escritor Zecharia Sitchin afirmou que duas antigas culturas do Oriente Médio - os babilônios e os sumérios - contavam sobre um planeta gigante - Nibiru - que orbitava o Sol.

O dr. Morrison, da NASA, disse: "Não há evidência credível para a existência de Nibiru. Não há fotos, rastreamento, observações astronômicas".

"Eu posso dizer especificamente como sabemos que o Planeta X ou Nibiru não existe e não ameaça a Terra.

"Primeiramente, se houvesse um planeta em direção ao sistema solar interno que chegaria perto da Terra, ele já estaria dentro da órbita de Marte, seria brilhante, seria facilmente visível a olho nu - se foi lá em cima, seria fácil de ver, todos nós poderíamos ver. "

O Dr. Brian Cox, também do Space Boffin, também insistiu que o Planeta X não existe.

Em um debate sobre os crentes de Nibiru no Quora. com, o matemático Robert Walker postou: "Suas idéias simplesmente não fazem sentido e acho difícil acreditar que alguém tão qualificado possa vir a acreditar em tais coisas.

"Suas especulações nesta área, é claro, não são revisadas e não foram submetidas a revistas científicas.

"No entanto, ela faz apresentações de vídeo no youtube, em que ela afirma que suas idéias estão corretas".
Fonte
Mais um post by: UFOS ONLINE

                                                  Veja o Vídeo Abaixo:

Piloto da CIA confessa: "Estamos na posse de naves espaciais com Tecnologia Alienígena e existe colônias humanas na Lua e Marte "

Em uma entrevista com o famoso programa de mistério "Coast to Coast", John Lear, um piloto aposentado da CIA, revelou coisas tão extraordinárias como secretamente ter ido para a lua desde 1962, missões secretas para ir a Marte desde 1966 tendo a NASA utilizado a tecnologia de uma nave alienígena que caiu na Terra em 1953 (EBE-3).

John Lear era capitão da Força Aérea dos EUA, piloto aposentado da CIA; Filho do inventor do Lear Jet (um tipo de motor). Ele voou em mais de 150 aeronaves de teste. 18 recordes mundiais de velocidade; Ele trabalhou por 28 diferentes companhias aéreas.Também a maioria dos prêmios concedidos pela Administração Federal de Aviação, como a aviação classificação, instrutor de voo, instrutor para o chão, navegador de voo, engenheiro, célula unitária de potência mecânica, pára-quedas rigger, e torre operadores.Durante os anos 80 e 90, ele começou a falar revelando informações confidenciais. Estes são alguns dos dados que contribuem para uma entrevista lançada no programa de rádio Coast to Coast Am:

"Em 1953, uma nave ET caiu e foi capturada juntamente com um ET (chamado EBE 3 - Joe Road, também confirmado por Dan Burisch) que ajuda a força aérea do governo dos EUA a construir algumas naves espaciais com tecnologia extraterrestre. Em 1962 tínhamos veículos que não podiam ir mais rápido que a velocidade da luz, como os veículos ET, mas rápidos o suficiente para chegar à Lua em 60 minutos. Eles poderiam fazer viagens regulares a Marte em 1966 ", diz Lear.

As missões Mercury, Apollo e o resto da missão missioneira. Eles estavam prestes a distrair a atenção das pessoas para o que estávamos realmente fazendo. Eles estavam construindo vários edifícios na lua, mas ninguém tinha que saber disso. Todas as pessoas os militares e o pessoal envolvido nas missões na Lua e em Marte foram e são classificados como projetos do Cosmic Top Secret. Em 1966, o Uni-Membros pousou em Marte desde então já têm explorado a maioria dos planetas no nosso Sistema Solar, em seguida, descobriu que  uma vida muito semelhante aos nossos outros planetas (outras fontes que confirmam é David Wilcock e Henry). Nos anos 70, antes que a NASA começasse a cancelar sem deixar vestígios das fotos tiradas por Apollo 8, 10 e 11 em 1971 livro da NASA SB2-46, publicação de una cidade, uma base espacial, canos, estradas, vegetação, ar, uma atmosfera, 66% da gravidade comparada com a Terra, há luzes, operações de mineração e um reator nuclear. Além disso a colaboração de extraterrestres. Isso foi feito nos últimos 40 anos. El Padre de Juan, foi da época em meados dos anos 50 em programas de tecnologia anti-gravidade, tecnologia completamente secreta hoje. Segundo uma fonte de John Lear...
Mais um post by: UFOS ONLINE

                                                     Veja o Vídeo Abaixo:

Investigador assegura que a "Super Lua de sangue de lobo" de 21 de janeiro causará um terremoto (DESTRUTIVO)

Existem várias teorias relacionadas a como a Lua pode influenciar as atividades sísmicas terrestres. É por essa razão que a "Super Lua do Lobo" de 21 de janeiro de 2019 se tornou um dos eventos mais esperados do mundo. Mas por que exatamente se chama "Super Lua de sangue de lobo" ?

Sempre, durante um eclipse lunar total, a Lua se aproxima da Terra e nosso planeta lança uma sombra sobre a esfera branca, nós a vemos com um brilho avermelhado. Um eclipse lunar total ocorre quando a Lua, a Terra e o Sol se alinham de tal forma que o nosso planeta é colocado apenas entre o nosso único satélite natural e a nossa estrela mais próxima. E se acrescentarmos que a chamada  "  super lua de sangue de lobo" ocorrerá durante a Super Lua, descobriremos que ela será 14% maior e 30% mais brilhante do que normalmente é vista.

Para os interessados ​​em assistir ao espetáculo, ele será visível na América do Norte, América do Sul, Europa Ocidental e África às 18:12 horas do dia 21 de janeiro e durará aproximadamente uma hora. Agora, esse eclipse lunar pode causar terremotos destrutivos na Terra? Seja uma teoria ou uma lenda, diz-se que os eclipses lunares, especialmente as luas de sangue, são catastróficos para o nosso planeta, com terremotos e erupções vulcânicas. No entanto, um especialista no campo adverte que durante e após a "super lua de sangue de lobo" ocorrerá um terremoto destrutivo, devido ao alinhamento dos planetas.

A nova previsão de Hoogerbeets

O popular pesquisador Frank Hoogerbeets, fundador do portal Ditrianum , voltou para alertar a humanidade. Desta vez, garante que o nosso planeta poderia experimentar a atividade sísmica "sem precedentes" durante o "superluna lobo sangue" quando a Terra, Mercúrio, Vênus e o Sol estiverem alinhados, causando uma instabilidade gravitacional em nosso sistema solar. Como resultado, haverá um terremoto catastrófico em qualquer lugar do mundo. No entanto, a ameaça continuará a estar muito presente semanas após este estranho fenômeno espacial acontecer.

"Com a Terra alinhada no dia 13 e Vênus em dois alinhamentos no dia 16, há uma grande probabilidade de haver mais atividade sísmica", explica Hoogerbeets. "Devido às posições específicas dos planetas exteriores, temos uma geometria lunar crítica a cada três ou quatro dias, o que, em média, pode resultar em mais perturbações sísmicas. Esta situação continuará por várias semanas ".
No entanto, Hoogerbeets não sabe onde este terremoto ocorrerá com a capacidade de causar um cataclismo em nosso planeta . De acordo com o tablóide britânico Daily Express , o pesquisador independente usa para suas previsões chamado Índice de Geometria do Sistema Solar (SSIG), que é o cálculo de um conjunto de dados por um período de tempo específico, dependendo das posições geométricas específicas dos planetas .

"Após três anos de pesquisa, ficou claro que existe alguma geometria planetária no Sistema Solar que claramente causa um aumento sísmico" , explica Hoogerbeets.

Deve-se acrescentar que Hoogerbeets previu que iria ser um forte terremoto durante a Lua de Sangue no ano passado , e foi um forte terremoto atingiu a costa da ilha indonésia de Lombok, perto de Bali, onde 557 pessoas morreram.

Profecias bíblicas

Mas, além da previsão de Hoogerbeets, há também aqueles que acreditam que a " super-lua do sangue de lobo" é um sinal apocalíptico . De acordo com especialistas em profecia bíblica, esse fenômeno incomum causará vários terremotos nas próximas semanas, alguns dos quais registrarão magnitude de até nove. De fato, há várias passagens bíblicas que indicam que os terremotos são um sinal do iminente apocalipse e da Segunda Vinda de Cristo à Terra.

"Farei tremer os céus e a terra se moverá do seu lugar, por causa do furor do Senhor dos Exércitos, e no dia da sua ira" Isaías 13:13.

E parece que na Bíblia há advertências sobre eventos terríveis que ocorrerão nos dias finais, mais comumente conhecidos como a Grande Tribulação. Até o próprio Jesus Cristo advertiu seus discípulos no "Discurso das Oliveiras" ou "Profecia do Monte das Oliveiras" dos eventos iminentes que ocorreriam neste mundo antes da Segunda Vinda de Cristo.


O que a ciência diz?

Dito isto, os cientistas descartam qualquer possibilidade de qualquer atividade sísmica durante e após a "superlua do sangue do lobo", garantindo que não há como prever terremotos . Além disso, existem estudos que sugerem que não há correlação de fortes terremotos com o ciclo lunar. Pesquisadores dizem que a mudança na atração gravitacional entre a Lua e a Terra durante um eclipse lunar total é pequena demais para afetar placas tectônicas ou expulsar magma de vulcões.

Mas deve-se dizer que um estudo publicado na revista científica Nature Geoscience em 2016 concluiu que as marés que ocorrem durante as luas cheias ter alguma ligação com os terremotos de grande magnitude, no entanto, existem outros fatores que desencadeiam terremotos e determinam sua intensidade.

Como podemos ver, a comunidade científica não concorda com o que se refere a terremotos e ciclos lunares. Mas, para Frank Hoogerbeets, não há dúvida de que a " super-lua do sangue de lobo" desencadeará um terremoto destrutivo em nossa paleta.

Você acha que a "super lua de sangue de lobo" causará um cataclismo na Terra? É um sinal apocalíptico? Ou você acha que não há relação entre terremotos e ciclos lunares?
Mais um post by: UFOS ONLINE

                                                        Veja o Vídeo Abaixo:

"Estruturas Alienígenas" foram fotografadas na Lua pela Chang'e 3 da China

Com a missão espacial Chang'e 4 (e Chang'e 5), a China quer sondar o terreno lunar na parte escura, com o objetivo de construir uma base lunar permanente e, posteriormente, usá-lo como um trampolim para Marte. A China quer chegar ao planeta vermelho antes da Rússia e dos Estados Unidos.

Da sonda Chang'e 4 chegou à Lua, o robô desceu para estudar os minerais da superfície, sondar o subsolo e medir a radiação. Alguns instrumentos foram feitos na Alemanha, Holanda e Suécia. Chang'e-4 também abriga uma pequena biosfera, formada por um recipiente cilíndrico fechado com ar e água no qual foram plantadas sementes de batata, flor de Arabidopsis e alguns ovos de bicho-da-seda. Uma câmera já transmitiu o crescimento de organismos. "O experimento - diz Liu Hanlong da Universidade de Chongqing - nos ajudará a acumular conhecimento para a construção de uma base lunar". O último estágio, o Chang'e-5, está previsto para o ano que vem e trará amostras do solo lunar da Terra. Então será até um taikonauta, um astronauta chinês:
                                                                 Lander Chang'e 3

Estruturas alienígenas no Mar Imbrium

China depois de ter colocado o primeiro pé no solo lunar com a missão Chang'e 3, graças ao pequeno lander Yutu, conseguiu monitorar o solo e as colinas lunares. No mosaico das fotografias, apareceram estruturas misteriosas que nos fazem pensar em algo diferente do que tivemos que documentar na superfície lunar. Estas estruturas são bastante definidas no fundo distante e têm ângulos retos e vislumbres metálicos, o que mostra que os chineses agora sabem da existência de estruturas alienígenas na lua.



Os misteriosos edifícios foram descobertos pelo caçador espacial "Streetcap1", que desapareceu há alguns meses. De fato, através de seu famoso canal no Youtube, postou um vídeo em que são mostradas com precisão as imagens desses edifícios (terrestres ou extraterrestres?) E uma nave alienígena suspeita sempre situada na superfície lunar. Estas estruturas têm muitas semelhanças com edifícios feitos por seres humanos, mas estas estruturas são raras, a maioria das estruturas alienígenas tem uma aparência mais estranha. Estas são os mais difíceis de encontrar.
Mais um post by: UFOS ONLINE

                                                      Veja o Vídeo Abaixo:

quinta-feira, 17 de janeiro de 2019

Disco de Gelo Gigante Giratório se formou no Rio Presumpscot nos Estados Unidos (VÍDEOS)

FENÔMENO DO DISCO DE GELO PODE SER FORMADO PELO CONTATO DO AR FRIO COM REDEMOINHO DA ÁGUA (FOTO: TINA RADEL/WETSBROOK)

Fenômeno natural é quase misterioso para os cientistas, que já apontaram mais de uma explicação para o aparecimento do disco de gelo.

Um enorme disco giratório de gelo se formou no Rio Presumpscot, na cidade de Westbrook, nos Estados Unidos. A estrutura se estende por cerca de 100 metros de diâmetro, está girando no sentido anti-horário em ritmo frequente e ainda parece estar crescendo em espessura.

Segundo o portal IFL Science, trata-se de um fenômeno natural raro, que confundiu os cientistas por anos. Além disso, o jornal The New York Times, reportou que apenas um ou dois discos são relatados por ano nos EUA e, geralmente, têm apenas de seis a nove metros de diâmetro.

"O tamanho deste pode ser um recorde mundial, isso se alguém estivesse acompanhando", disse Kenneth Libbrecht, professor de física do Instituto de Tecnologia da Califórnia.

O disco surgiu no rio na segunda-feira (14), e moradores afirmam que viram patos em cima da estrutura em alguns momentos.  
Disco de gelo de Westbrook é gigante perto de outros relatos do fenômeno (Foto: Ben McCanna/Portland Press Herald/Twitter)

Como o portal Science Alert aponta, a confusão de como esses carrosséis de gelo se originam remonta ao século 19. Um dos primeiros relatos desse fenômeno ocorreu em 1895, quando um leitor escreveu para a revista Scientific American que viu um “bolo de gelo giratório” no Rio Mianus, em Nova York.

Especialistas acreditavam que o ar frio e denso se encontrava com um redemoinho na água, o que a congelava e a fazia rodar. A água dentro do redemoinho estaria se movendo mais devagar do que a corrente do rio, tornando a possibilidade de congelamento mais alta. E quando o gelo gira, acaba colidindo com pedras ou mais blocos de gelo, o que deixava cada vez mais com o formato circular. 

No entanto, em 2016, cientistas testaram a hipótese recriando os discos em condições de laboratório e descobriram outro fator. Eles perceberam que, se os redemoinhos fossem os únicos responsáveis, discos menores deveriam girar em um ritmo mais rápido do que os maiores – e não rodariam na mesma velocidade.

Eles ainda detectaram que discos em água também giram. Acontece que, quando a água derrete, ela flui para baixo no centro do círculo de gelo, criando um pequeno vórtice que o faz rodar. 
Mais um post by: UFOS ONLINE

                                                 Veja os Vídeos Abaixo:



Imagens espetaculares mostram o pouso de um OVNI em uma casa em Trinidad, Colorado (EUA)

Na noite de 14 de janeiro de 2019, a Sra. Dorothy Romero, que mora na cidade de Trinidad, no Colorado (Estados Unidos), testemunhou com o marido um UFO pousando no telhado de sua casa.

Aqui está o que a testemunha disse:  "Meu marido estava fora para lavar nossa varanda quando viu um OVNI voando diretamente sobre a nossa casa. Meu marido disse que havia pousado de repente, então eu disse a ele que era provavelmente por causa do flash horrendo de raios e trovões. Mas meu marido então disse que um objeto de luz pousou em Simpsons Rest diretamente atrás de nossa casa ... e disse que quando pousou fez faíscas voando debaixo da misteriosa aeronave, como se ela atingisse a montanha quando ele aterrissou.

"Eu tinha meu telefone na mão e comecei a gravar eventos. .. Sinto muito que a qualidade do vídeo é ruim, mas você pode ver muito bem como o OVNI ainda está no telhado ou atrás de nossa casa. E você vê isso desaparecendo diante de nossos olhos ... No clarão de luz ele se foi ".
Mais um post by: UFOS ONLINE

                                                     Veja o Vídeo Abaixo:

quarta-feira, 16 de janeiro de 2019

Jovem cientista procura sinais extraterrestres em estrela peculiar

A estrela Boyajian, também conhecida como Tabby ou KIC 8462852, ficou popular em 2015, quando o seu estranho comportamento levou alguns cientistas a considerá-la uma possível megaestrutura alienígena, uma vez que o seu brilho parecia aumentar e diminuir com o tempo.

Desde então, vários telescópios têm observado o comportamento da estrela para melhor compreender o que está a acontecer por lá.

Quem também se apaixonou por esta estrela peculiar foi o jovem David Lipman, que em 2015, e com apenas 15 anos, começou a analisar dados públicos oferecidos pelo telescópio APF (Automated Planet Finder), do observatório Lich, na Califórnia, nos Estados Unidos.

Na época, Lipman estava no terceiro ano do Ensino Secundário, e decidiu estudar a estrela como parte de um projeto de Ciências da escola. Os dados a que o jovem adolescente teve acesso são parte da investigação Breaktrought Listen, que procura sinais de rádio e transmissões de laser em várias galáxias para tentar encontrar vida inteligente.

“Escrevi um algoritmo que analisa todos os espectros que o Breaktrough Listen já gravou. Estou a procura de sinais laser de candidatos”, explicou David Lipman em entrevista no Lich. O seu trabalho acabou por chamar à atenção dos cientistas da área, sendo o jovem convidado para estagiar durante as férias de verão no Breaktrough Listen.


“[David] ficou rapidamente familiarizado com muitos dos materiais da base, ao ponto da equipa conseguir conversar com ele num nível altamente técnico sobre o trabalho que estava a desenvoler”, elogiou o cientista Steve Croft, da Universidade da Califórnia.

“A maioria dos alunos da idade do David que trabalha com problemas de Ciência está a lidar com questões em que a resposta correta está na última página do livro. Em comparação, David está a fazer uma pesquisa original que nos está a ajudar a avançar na nossa capacidade de responder a uma das maiores questões da Ciência: estamos sozinhos no universo?”, explicou.

David procurou por qualquer sinal de laser que poderia indicar uma comunicação entre extraterrestres ou propulsores de naves. Por enquanto, não há nenhum sinal de vida alienígena por lá, mas os resultados do seu trabalho, realizado em colaboração com outros cientistas, foram aceite para publicação na revista científica Publications of the Astronomical Society of the Pacific e estão disponíveis em pré-visualização no arXiv.org.

Atualmente, David Lipman está no primeiro ano do Ensino Superior, na Universidade Princeton. O jovem pensa formar-se em Física, demonstrando grande interesse em machine learning e em redes neuronais artificiais.
Fonte
Mais um post by: UFOS ONLINE

                                                 Veja o Vídeo Abaixo:

ALERTA GLOBAL: "O derretimento das calotas polares desestabilizou o Polo Norte"

A mudança climática está perturbando cada vez mais o núcleo da Terra e pode ter conseqüências desastrosas para a humanidade, disse um consórcio de cientistas.

A Terra está presa em um ciclo contínuo de feedback, o que significa que uma mudança em uma parte do planeta pode ter consequências dramáticas para outra. O campo magnético da Terra - ao mesmo tempo em que protege nossa frágil camada de ozônio - desempenha um papel neste sistema finamente balanceado e trancado. Mas esse campo magnético está mudando devido a um núcleo instável da Terra, que poderia anunciar uma nova era do gelo.

Já não se discute cientificamente que a mudança climática está causando o derretimento de grandes áreas do gelo polar.

E esse derretimento maciço de gelo poderia ter um impacto muito mais profundo e mortal do que o esperado.

A massa terrestre da Groenlândia, por exemplo, perdeu 267 gigatoneladas de gelo em 2017.

Uma gigatonelada é um iceberg de um quilômetro cúbico, que pode conter uma incrível quantidade de água.


Cientistas de todo o mundo estão registrando mudanças inesperadas no polo norte magnético da Terra.

E essa migração magnética do Pólo Norte é cada vez mais vista como um sintoma das mudanças que ocorrem no núcleo da Terra.

Núcleo magnético da Terra: Houve mudanças inesperadas no pólo norte magnético da Terra (Imagem: Getty)

Conforme o gelo recua rapidamente, as correntes oceânicas mudam de direção e a salinidade da água - seu teor de sal - diminui.

Estas calotas de gelo recuando significam que menos peso está sendo espremido da massa de terra abaixo da superfície.

Como resultado, a pressão aplicada às veias de magma que pulsam profundamente abaixo da crosta terrestre é diminuída.

E esse turbilhão de ferro fundido no centro da Terra se move.

Fluxos magmáticos podem se mover e sua consistência pode mudar em algumas áreas.

A força centrífuga tem o poder de puxar essas massas de magma em direção ao equador, de modo que o equador parece "se mover" do ponto de vista dos continentes.
Mudança climática: Temperaturas que aumentam rapidamente podem resultar em calamidade 

"Isso pode ter desencadeado o que chamamos da Era do Gelo", disse o professor Gordon, da Rice University.

Um aumento de 1,8 metros até 2100, como alguns cientistas preveem nos piores cenários, colocaria as cidades costeiras sob a água, como a pesquisa mostrou.

Além disso, reduziria significativamente o peso do gelo na Antártida, o que exacerbaria o problema do magma abaixo da superfície.

Essas migrações erráticas do pólo norte magnético da Terra levaram a pedidos de atualização urgente de modelos para facilitar a navegação.

A correção planejada estava marcada para (15 de janeiro), mas o fechamento do governo dos EUA forçou um atraso prematuro.
Fonte
Mais um post by: UFOS ONLINE

                                                           Veja o Vídeo Abaixo: