1b

Bolivia TRINIDAD catalunia Angola portorico dominica Chile México India Israel malasia noruega Australia Mozambique colombia Equador Camboya Bulgaria Romenia Costa Guatemala Polonia Lanka Suiza Vietnam Panama Finlandia Belgica Tailandia Bhutan San Domingo Peru

quarta-feira, 17 de maio de 2017

7 Astronautas que Morreram na Challenger em Janeiro de 1986 estão vivos e mais velhos?

Se você tem 40 anos ou mais, você provavelmente lembraria de 28 de janeiro de 1986.
Nossa por essa nem eu não esperava ver algo como isso ser verdadeiro, o que comprova que a NASA sempre mentiu é algo que as pessoas nem imaginam ser verdade. A Challenger explodiu no dia 28 de Janeiro de 1986 e foi um desastre que marcou a época e muitos choraram pela morte da primeira professora ir para o espaço ............ mas, será que aconteceu de verdade ou foi uma farsa? 
A Nasa justificou que são apenas coincidências. COINCIDÊNCIAS?
Esse foi o dia do desastre do Challenger , quando o Challenger da nave espacial da NASA  se separou 73 segundos em seu voo sobre o Oceano Atlântico, na costa de Cabo Canaveral, Flórida às 11:38 EST. Todos os sete membros da tripulação foram mortos, incluindo cinco astronautas da NASA e dois especialistas em carga.

Milhões de americanos (17% da população total) assistiram ao lançamento ao vivo na TV por causa da especialista em carga Payne Christa McAuliffe, a primeira professora no espaço. A cobertura mediática da explosão foi extensa: um estudo relatou que 85% dos americanos inquiridos tinham ouvido a notícia dentro de uma hora do acidente.

Foi-nos dito que a Challenger se desintegrou por causa de um selo.O selo defeituoso em seu propulsor de foguetes sólido direito. A falha do anel que causou uma quebra na junção SRB que selava, permitindo que o gás de queima pressurizado do interior do motor do foguete sólido para alcançar o exterior e impingir sobre o SRB adjacente campo traseiro e tanque de combustível externo, levando a falha estrutural Do tanque externo. Forças aerodinâmicas quebraram a órbita.

O compartimento da tripulação e muitos outros fragmentos de veículos foram eventualmente recuperados do fundo do oceano após uma longa operação de busca e recuperação. O momento exato da morte da tripulação é desconhecido; Vários membros da tripulação são conhecidos por terem sobrevivido à desintegração inicial da espaçonave. Mas o ônibus não tinha sistema de escape e o impacto do compartimento da tripulação com a superfície do oceano foi muito violento para ter sobreviventes.

Estes são os nomes dos 7 membros da tripulação Challenger:

1-Francis Richard Scobee , Comandante
3-Ronald McNair , Especialista em Missão
4-Ellison Onizuka , Especialista em Missão
5-Judith Resnik , Especialista em Missão
6-Gregory Jarvis , Especialista em carga útil
7-Christa McAuliffe , Especialista em carga útil

Mas espere!

E se alguém lhe dissesse que a maioria, se não todos dos 7 membros da tripulação do Challenger ainda estão vivos e prósperos em suas novas profissões, ao contrário do que nos disseram?

Vamos aos fatos: há referências de que a tripulação sobreviveu a explosão porque uma foto revela que a cabine da tripulação saiu ilesa da explosão veja a imagem com a cabine completa.

(Atualizado) Uma das fotos é de Laurel Clarck O que aconteceu ´foi que os astronautas sobreviveram e a NASA não quis mudar o que parecia uma tragédia belíssima para impulsionar ainda mais o programa, já recebi uma mensagem sobre isso que a NASA mente e usam essas tragédias para ganhar respaldo do público e dinheiro dos congressistas, e isso compromete a NASA porque seria como criar um holograma e as suspeitas podem cair sobre o programa Apollo que já está capengando de tantas fotos falsificadas da Lua. 

Agora observem as fotos de cada tripulante e seu sósia com o mesmo nome.








Então é estranho que cada um tenha um sósia com o mesmo nome, o que é muita coincidência para quem já conhece as falcatruas da NASA, agora piorou, pois toda a mentira cairá por terra.  
Bom, nem esperava por essa quando me enviaram o link do artigo achei se tratar de um artigo falso, só que eles se parecem muito é algo incrível. As pessoas são reais pesquisei na internet e comecei pela professora que foi o símbolo do terrível desastre e achei o link com uma foto dela: http://www.law.yale.edu/news/12311.htm obs: pagina hoje não existe mais?
Usei o photoshop para observar os detalhes e percebi que é a mesma mulher inclusive os cabelos que denunciam a verdade veja a imagem que fiz usando a foto de professora em Yale.
A bochecha e o queixo  declara a verdade é a mesma que da professora, por isso as duas pessoas na verdade são a mesma com idades diferentes.

A idade muda algumas características do rosto, mas alguns detalhes não mudam como o sorriso, marca do sorriso e o queixo são realmente iguais, o que mais chama a atenção é o nariz, muito parecido com o de Judith Resnik, O olho é que parece mais, se observar mais detalhadamente o cabelo é a mesma cor e também, achei incrível serem duas pessoas diferentes e ter tantas semelhanças, é claro que o fato de serem parecidas não seria tanta coincidência. 
Se for verdade a NASA vai negar até a morte e podem até sumir com as pessoas novamente, mas o que acontece é que essa história está muito mal contada, até que ponto causar ilusão ou fazer uma história acontecer e depois veicular outra? Não tem explicação! 
Acredito que a NASA sempre mostrará as pessoas que isso seja mentira ou apenas coincidência?
Fontes:
Mais um post by: UFOS ONLINE

Veja os Vídeos Abaixo:

                                                    Fonte:Curious World


                                             Fonte:Russianvids

Nenhum comentário:

Postar um comentário