1b

1

sábado, 19 de outubro de 2013

Força Aérea Peruana Abre um Departamento para o Estudo dos UFOs


A Força Aérea peruana abriu um departamento especializado que irá investigar o fenômeno UFO e ele fez exatamente última sexta-feira, 18 de outubro, 2013. Dipartiment anômala Aérea Fenômeno Research L '(Difaa) será lançado oficialmente em Lima, Peru, nos escritórios da "Dirección Nacional de intereses Aero Espaciales" (Dinae) da Força Aérea Peruana formalmente acolher os novos UFOs Departamento.


O Departamento de novo (Difaa) será assistido diretamente por um conselho consultivo civil.
Anúncio do próximo lançamento do Difaa L 'foi lançado oficialmente por Giorgio Piacenza, que é um membro da inaugural dell'Exopolitics Instituto Civil do Conselho Consultivo e um consultor.
Em seu anúncio, o Sr. Piacenza disse que o Conselho Consultivo civil inclui pesquisadores, cientistas, intelectuais e ex-oficiais da Força Aérea. Muitos dos membros do Conselho servido anteriormente em um precursor para o novo Departamento, que também estudou o fenômeno UFO.
"A atitude predominante, suponho eu, é no Conselho Consultivo da Força Civil Air e Peru é um dos mais flexíveis, uma busca por que será feito com a mente aberta e objetiva e também a considerar a vasta gama de aspectos do fenômeno UFO ea presença de seres operações supostas ou reais extraterrestres podem acarretar. "




Piacenza chegou a dizer em seu pronunciamento que " muitos países da região da América Latina estão buscando ativamente um caminho semelhante para legitimar estes problemas e superar o estigma associado à informação desnecessária de  UFOs  e o possível ou real  presença extraterrestre . "
Em uma apresentação formal, e duas palestras curtas, o Sr. Piacenza confirmou reservadamente que ele vai discutir Exopolítica como uma nova abordagem interdisciplinar para o estudo dos UFOs e vida extraterrestre. 

                                               Veja o Vídeo Abaixo:


                                             Fonte:jfrissina


                                              Fonte:jfrissina

Nenhum comentário:

Postar um comentário